Governador Rodrigo Garcia nomeia quatro novos secretários estaduais

Continua depois da publicidade

Na Secretaria de Desenvolvimento Social, Laura Müller Machado assume os programas de proteção social como o Bom Prato e Bolsa do Povo. Também novos secretários para as pastas do Governo, Infraestrutura e Meio Ambiente e Esportes

O governador Rodrigo Garcia anunciou nesta semana quatro novos secretários de Estado para as pastas de Desenvolvimento Social, Governo, Infraestrutura e Meio Ambiente e Esportes. As nomeações têm efeito imediato e foram publicadas no Diário Oficial do Estado.

Com a reorganização no primeiro escalão estadual, a nova secretária de Desenvolvimento Social é Laura Müller Machado, enquanto Marcos Penido assume a secretaria de Governo e será substituído por Fernando Chucre na pasta de Infraestrutura e Meio Ambiente, além de Thiago Martim Milhim como secretário de Esportes. No início desta semana, o economista Felipe Salto já havia sido anunciado como novo secretário de Fazenda e Planejamento.

Laura Müller Machado tem 34 anos e é administradora e mestre em economia aplicada pela USP. Especializou-se em uso de evidência para a melhoria da qualidade do gasto público, com livros e estudos na área de educação, desenvolvimento social, distribuição de renda e pobreza. No Instituto Insper, atua como professora, coordenadora dos programas de pós-graduação em gestão pública e coordenadora da rede ciência pelo desenho de política educacional.

Marcos Penido tem 60 anos e passa a ocupar a secretaria que foi comandada por Rodrigo Garcia até o último dia 31 de março, quando assumiu em definitivo o mandato de governador. Engenheiro Civil, Penido atua na esfera pública desde 1985, com passagens em cargos estratégicos na prefeitura de São Paulo e governo do Estado.

Na Secretaria de Governo, Penido vai atuar como coordenador de projetos e ações prioritárias da atual gestão. Desde 2019, ele já capitaneava programas importantes como o Novo Rio Pinheiros, maior programa socioambiental da América Latina e que está despoluindo um dos rios mais importante da capital paulista.

Fernando Chucre tem 55 anos e passa a comandar a pasta de Infraestrutura e Meio Ambiente. Arquiteto e urbanista, ele também atuou em cargos de comando do governo do Estado e da prefeitura de São Paulo. Foi deputado federal por São Paulo entre 2007 e 2011, atuando como membro titular da Comissão de Desenvolvimento Urbano. Na atual gestão estadual, ocupava a presidência executiva do Fundo Social de São Paulo.

Thiago Milhim tem 31 anos e já ocupou cargos estratégicos nas administrações federal, estadual e municipal. Advogado, foi subprefeito dos distritos da Casa Verde, Cachoeirinha e Limão e também comandou a secretaria municipal de Esportes na Prefeitura de São Paulo de janeiro de 2021 a janeiro de 2022.

Compartilhe esse conteúdo

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LEIA
mAIS