Servidores municipais de Marília aprovam reajuste de 4% em assembleia geral

Continua depois da publicidade

Os servidores municipais de Marília aprovaram durante assembleia geral realizada na noite desta terça-feira, dia 5 de abril, a contraproposta salarial do Poder Executivo. A reunião dos trabalhadores públicos aconteceu em frente ao Paço Municipal, durante o mesmo período em que estava ocorrendo a 9ª Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Marília.

A categoria acatou a proposta de 4% de reajuste salarial e vale-alimentação de R$ 550 (reajuste de quase 31%). Também entrou no acordo o não desconto dos dias parados em greve promovida pela entidade sindical. Assim, servidores não serão prejudicados no que se refere a licença-prêmio (concessão de três meses a cada ciclo trabalhado) e nem na evolução da carreira – no caso de elevação de referência salarial.

Com a aprovação da contraproposta a expectativa agora recai para o envio do Projeto de Lei à Câmara Municipal com a proposta apresentada pelo Poder Executivo. Pela manhã, o prefeito Daniel Alonso e secretários municipais receberam a presidente do Sindimmar, professora doutora Vanilda Gomes de Lima e parte da diretoria sindical numa rodada de negociação.

“Recebemos a diretoria do Sindicato em nosso gabinete e pudemos dialogar, buscando uma proposta bem elaborada, que agrade aos servidores e também esteja dentro da realidade financeira da Prefeitura. Já melhoramos bastante e acredito que os servidores irão analisar com bastante tranquilidade para que cheguemos a um acordo viável para as duas partes”, informou na oportunidade o prefeito de Marília, Daniel Alonso.

Compartilhe esse conteúdo

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LEIA
mAIS