Marília chega ao 93º aniversário nesta segunda com novos desafios no mundo pós-pandemia

Continua depois da publicidade

Ainda não foi desta vez que o mariliense pôde comemorar o aniversário de emancipação da cidade com desfile cívico. As restrições do pós-pandemia ainda recomendam cautela. Contudo, hasteamento das bandeiras com ato cívico em frente ao Paço Municipal marcou as celebrações o 93º aniversário da cidade.

Povoada nos primeiros anos da década de 1920 e elevada à condição de Município em 1929, sendo o seu primeiro prefeito o engenheiro carioca Durval de Menezes, Marília completou mais um ciclo de seu progresso e, agora, no mundo com vacinação contra a covid-19. No terceiro ano da crise sanitária – que impôs a todos o isolamento e redimensionou tanto as relações pessoais, quanto as relações econômicas – Marília projeta seu futuro ante os desafios que se apresentam.

A solenidade reuniu autoridades civis e militares, destacamento do Tiro de Guerra e a Banda Marcial Cidade de Marília. Representantes dos servidores municipais e do sindicato da categoria participaram do ato cívico com camisetas pretas. A categoria está em campanha salarial e reivindica reposição e ganho real pelas perdas inflacionárias e queda do poder de compra dos funcionários municipais nos últimos anos.

Marília é reconhecida por várias aptidões e características, detém economia diversificada e atualmente é polo não apenas das indústrias convencionais, mas também da indústria criativa representada pelas startups e prestadores de serviços na área da Tecnologia da Informação. Centro de medicina e da formação em todos os níveis – do maternal ao doutorado – atualmente possui dois de seus ‘filhos’ em cargos de ministro do Governo Federal: Bruno Bianco, ministro advogado-geral da União, e Daniel de Oliveira Duarte, recentemente empossado ministro-chefe do Desenvolvimento Regional. Além disso, o atual ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite morou em Marília durante os anos que cursou e se formou em Administração de Empresas (graduou-se na Unimar, Universidade de Marília). Outra figura política que se formou em Marília é o atual secretário estadual de Desenvolvimento Regional (pasta do Interior), Rubens Cury. Ele cursou Medicina na Faculdade de Medicina de Marília, a Famema.

Uma das mais desenvolvidas cidades do Interior do Estado e do Brasil, Marília sempre cooperou para o crescimento regional de modo intenso e, certamente, continuará com essa vocação para o progresso sustentável.

Compartilhe esse conteúdo

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LEIA
mAIS