Seminário da Água reúne mais de 250 participantes no Univem

Continua depois da publicidade

O 1º dia Seminário da Água, realizado pelo Cades (Conselho Municipal do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Marília), juntamente com a Prefeitura de Marília, por meio da Secretaria Municipal do Meio Ambiente e de Limpeza Pública, teve um público de mais de 250 participantes, entre universitários, professores, profissionais e empresários, no primeiro dia do evento, quarta-feira (16), no auditório do Univem.

O preletor André Sanches Cibantos Júnior, da ONG Origem, abordou o tema sobre as cachoeiras e seu potencial turístico, bem como as preocupações em manter esses locais limpos e seguros à pratica esportiva do rapel e para momentos de lazer aos turistas.

“O que muito impressionou foi o desconhecimento de boa parte dos participantes sobre a quantidade de cachoeiras que podem ser visitadas e os vários locais de APP (Área de Preservação Permanente), que possuem árvores da Mata Atlântica”, afirmou o presidente do Cades, Hilson Hakamada.

Na segunda parte do seminário, o engenheiro Paulo Wilson, gerente regional da Cetesb, detalhou os conceitos e curiosidades da água e também o efeito da sua ausência na questão social, econômica e política.

Uma abordagem bastante interessante, pois a falta de água em alguns pontos do planeta causam graves problemas à saúde humana, à fauna e, consequentemente, à flora.

“Busquei expandir a nossa visão sobre a água para que os nossos jovens vejam que em outras nações a água é fator primordial para a sobrevivência de um povo e também o centro de conflitos entre eles. Vale lembrar que a qualidade da água depende de cada um de nós”, disse o engenheiro.

O primeiro dia do seminário superou a expectativa e, para manter o nível de interesse, a programação do segundo dia traz como preletor Dr. Emilio Prandi, conselheiro do DAEE (Departamento de Águas e Energia Elétrica) e professor universitário.

A segunda parte será com a Dra. Maria Julia Gabrina Rosa, mestre e advogada ambiental, que abordará o “Novo Marco Legal do Saneamento Básico”. O seminário é aberto ao público, com início às 19h30, no auditório do Univem. Aos participantes inscritos serão emitidos certificados.

Já na sexta-feira, dia 18, no encerramento, será discutida a qualidade da água para a nossa saúde, com a participação do presidente do Daem (Departamento de Água e Esgoto de Marília), João Augusto de Oliveira Filho.

Compartilhe esse conteúdo

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

LEIA
mAIS